Fale Conosco
  • phone
    (61) 3361-1550 | 98482-4961
  • location_on

    SIA Quadra 5C - Lote 17/18, nº 195, Sala 212, Edifício Sia Sul - Guará, Brasília - DF, 71200-055

Deixe sua Mensagem

Como fazer o planejamento tributário de uma ótica?

Escolha A Melhor Tributacao Para Sua Otica Post (1) - Contabilidade em Brasília | Diagnóstika Contabilidade - Como fazer o planejamento tributário de uma ótica?

Entenda qual a importância do planejamento tributário para a escolha do melhor regime da sua ótica!

Além disso, entenda qual o processo para realizar um planejamento tributário assertivo e eficiente!

A tributação é um assunto complexo e que, comumente, gera dores de cabeça em muitos empresários… 

Afinal, como escolher o regime tributário mais adequado para sua ótica?

A resposta para essa pergunta está em um planejamento tributário bem elaborado, o qual vamos mostrar como fazer e por que é tão importante. 

Planejamento tributário – O caminho para longe de multas e problemas

Alguma vez você já chegou no final do mês e percebeu que os custos estavam excessivos? 

Ou, próximo a data de vencimento de uma guia de imposto, percebeu que ainda faltava pagá-la? 

Essas situações que parecem tão simples de resolver, na correria do dia a dia de funcionamento da sua ótica, podem ser comuns. 

Contudo, é essencial se atentar para evitá-las, pois, podem acabar gerando multas por atrasos, problemas com o fisco e consequências muito negativas para o financeiro do seu negócio.

Porém, isso tudo pode ser evitado com a elaboração de um planejamento tributário preciso e pensado nas especificidades da sua ótica, ou seja, é algo imprescindível. 

Como é feito o planejamento tributário? 

A realização do planejamento demanda um cuidado minucioso com os detalhes e o cumprimento de algumas etapas, que vamos apresentar a seguir. 

Análise das informações 

É preciso analisar as especificidades da sua ótica, ou seja, a atividade realizada, o faturamento, porte da empresa e afins. 

Isso é crucial, pois, as informações da sua empresa direcionam o regime tributário que melhor se adequa a ela. 

Contabilidade Para Oticas - Contabilidade em Brasília | Diagnóstika Contabilidade - Contabilidade para óticasPowered by Rock Convert

Análise da natureza jurídica 

Outro fator crucial e que direciona a escolha do regime tributário é a natureza jurídica, afinal, MEIs, por exemplo, estão obrigatoriamente enquadrados no Simples Nacional. 

Portanto, esse é mais um aspecto a se analisar.

Escolha do regime tributário

Com esses dois pontos, é possível identificar qual regime é adequado, podendo ser: 

Cada um conta com suas particularidades, alíquotas e regras. 

Plano tributário 

Esse é o momento onde tudo é minuciosamente analisado e planejado, desde prazos até benefícios que podem ser aproveitados. 

A execução do plano tributário é crucial para garantir que sua ótica não pague mais impostos do que realmente deve, por falta de apuração correta dos impostos ou por não considerar algum detalhe do regime tributário escolhido. 

Revisão

O planejamento tributário não é algo feito uma vez e engavetado depois, muito pelo contrário! 

Ele deve ser revisto e remanejado conforme mudanças em sua empresa, para que sempre seja o mais adequado e menos custoso. 

Mas para tudo isso, a contabilidade é indispensável! 

Cada um desses passos demanda muito cuidado, atenção e, principalmente, expertise contábil para que tudo seja feito da forma correta! 

O suporte contábil é essencial e você pode contar conosco, da Diagnóstika, para realizar um planejamento tributário minucioso e impecável para a sua ótica, garantindo a plena conformidade e menores custos possíveis. 

Não hesite em entrar em contato conosco. 

Marcadores:

Não perca mais nenhum post!

Assine nosso blog e receba novos posts frequentemente em seu email.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
shares

Preencha o Formulário abaixo para realizar o download do nosso e-book:

Classificação Internacional de Doenças (CID) em odontologia e estomatologia (CID - OE)